Cartaz 2021

Festas de Nossa Senhora D’Agonia 2021

Em 2020 as nossas vidas mudaram e ainda hoje não percebemos o alcance da transformação imposta pela pandemia de covid-19 na nossa sociedade. Sabemos, no entanto, que a nossa Romaria não sobreviveu à pandemia, mas sim viveu, sentida em todos nós, vivida por todos nós, à distância.

Infelizmente, esta luta global contra a pandemia ainda não acabou e apesar da gradual e cautelosa reconquista da nossa vida nos últimos meses, a dimensão da Romaria de Nossa Senhora d’Agonia obriga a alguns cuidados.

Por esse motivo, a festa de 2021 será condicionada a um programa com alguns momentos ao vivo, mas sobretudo por conteúdos “online” sobre a nossa Romaria, que prometem reforçar o sentimento de que, mesmo à distância, conseguimos estar todos unidos.

Agora, gostaríamos que todos nos uníssemos no mesmo sentimento de que SOMOS TODOS ROMARIA num programa, sobretudo, “online”, que se inicia a 07 de agosto, sendo o ponto alto de 19 a 22 de agosto, através do nosso website www.festasdagonia.com, das redes sociais, da rádio e da televisão, com conteúdos que nos levarão às Festas d’Agonia, para as vivermos, sentirmos e recordarmos.

É que entre devoção e festa, pela fé e tradição, as nossas festas fazem-se também com as memórias de um povo orgulhoso.

Neste programa, contaremos com produções exclusivas a lançar publicamente nos dias e horas habituais da festa, como filmes sobre a autenticidade das pessoas que a fazem, a sua fé e o seu sentimento. Também as que assistem ou simplesmente gostam da Romaria, o seu lado de divertimento e lazer, na sua forma mais espontânea.

Até porque como sempre aconteceu, em Viana do Castelo cada um vive a sua Romaria, embora em 2021 esse viver continue a ser essencialmente sentido.

Fisicamente não teremos a Romaria de outrora, mas a Romaria somos todos, simplesmente porque ela vive dentro de nós.

 

A COMISSÃO DE FESTAS

Cartaz da Romaria 2021

O cartaz da Romaria de Nossa Senhora d’Agonia de 2021, mostra um Traje à Vianesa da Ribeira Lima, popularmente apelidado de “à moda” de Santa Marta de Portuzelo. Assim, num ano em que afirmamos o nosso sentimento de pertença – “Somos Todos Romaria”, a jovem mordoma, Renata de Castro Guisante, enverga este traje de festa vermelho, oriundo da freguesia de Perre. Tal como os trajes executados entre finais da década de 30 e o início da década de 40 do século passado, este Traje à Vianesa possui diversas características comuns a este período: avental de motivos florais, saia de riscas com uma barra bordada a linha de algodão branco, assim como uma camisa de linho bordada, com motivos florais a linha azulão. Neste traje usado pela mordoma destacam-se ainda algumas peças de Ourivesaria Popular Portuguesa.

 

O cartaz da romaria deste ano, da autoria do designer Ricardo Ferreira e conforme a memória descritiva, pretende ser “O cartaz da Esperança” assinalando o “regresso da Romaria”, depois de um ano em que o mundo parou. O autor sublinha que o fundo branco no cartaz representa a luz que “faltou a todos em 2020 e as nossas memórias, congeladas no tempo, onde podemos encontrar vários momentos das nossas festas”. O cartaz deste ano “encarna a esperança, a serenidade, mas também a confiança no futuro”.